Publicidade

Publicidade
02/07/2009 - 11:49

Que desagradável

Compartilhe: Twitter

Nick Heidfeld promoveu um concurso em seu site para escolher com que capacete correria o GP da Alemanha, no dia 12 de julho. Não vou me alongar: só digo que ele recebeu NOVE MIL desenhos de designers e escolheu ISSO.

Mas vai ter mau gosto assim lá longe. Se quiserem ver os 11 finalistas — tem uns bem melhores do que esse —, é só clicar aqui, ó.

Felipe Paranhos

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , ,

Ver todas as notas

27 comentários para “Que desagradável”

  1. Guzz disse:

    Nossa, não gostei de nenhum, mas esse que ele escolheu parece cenário de algum episódio de “Meninas Super Poderosas”.

    Será que ele nunca ouviu falar no Cid Mosca?

    abrazz

  2. Querem saber de uma coisa? Legal mesmo era aquele capacete de melancia que um cara escolheu pra ser o casco do Jenson Button no GP da Inglaterra de 2008.

    Seria literalmente “por uma melancia na cabeça pra aparecer”. Pena que não foi escolhido :(

    Resposta do Felipe Paranhos

    Éééééé, daquele eu gostei também.

  3. Fabricio Ferri disse:

    Putz…não salva um. Tudo canhão. Que capacetes horríveis !!!!

  4. Amanda disse:

    Dizem por aí que a autora da obra, na verdade, foi a Maísa.

  5. foca disse:

    óia, palavra de desenhista,
    o primeiro grande equivoco desses caacetes é que desenhos pequenos e detalhados não tem leitura pra 99% das pessoas que vão ver, claro, de repente esses caras, nick, kovalainen, fazem o capacete pra eles e quem está perto ver, mas acho que dá pra fazer grafismos bem bonitos com leitura e identidade isso dá. não precisa ser minimalista como carlos reutmann, mas quem não gosta das “gotinhas” do wilson fittipaldi ou a barrinha escocesa do stewart? gosto é gosto, mas se discute.
    abçs,
    foca.

  6. Cacthos disse:

    Essa pré-lista de 11 capacetes só vem confirmar: ele é emo mesmo!

  7. Luiz Eduardo disse:

    Estou com o Marcelo dos Santos e Kiyo. Gostei do capacete, pintura inovadora, muito melhor do que a chatice e falta de personalidade do estilo MotoGP que avançou mundo afora.

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo