Publicidade

Publicidade
27/11/2009 - 12:50

Hey, Ho, let's go

Compartilhe: Twitter

A1GP World Cup of Motorsport 2008/09, Round 3, Sepang

Felipe Paranhos

Ho-Pin Tung vai testar pela Renault em Jerez. Tenso. Muito tenso.

Se bem que ele ganhou uma corrida na Superliga este ano, né…

Afe, mas é tenso mesmo assim.

Atualização às 14h11 de 28/11: O Eduardo Azeredo, que manja muito de automobilismo, me deu um “toma” nos comentários: é esta ultrapassagem do Tung sobre o Jeroen Bleekemolen na A1GP. Acho que tem Powerboost e tal, não vi a corrida pra saber as condições do carro do holandês, mas, não é nada, não é nada, foi bonita pra caralho. Vejam:

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , ,

Ver todas as notas

15 comentários para “Hey, Ho, let's go”

  1. Verde disse:

    Ho-Pin Tung é “bão”, já venceu o campeonato alemão da F3, mas nunca teve lá um carro bom na GP2 (BCN e Trident, pô).

    Tem gente pior testando. Olha os nomes da Ferrari, por exemplo. Tirando o Jules Bianchi, quem se salva na lista?

    • Felipe Paranhos disse:

      Pooo, mas fazia muita merda, não fiquei com boa impressão. Lembro dalgumas na A1 também. Mas vamolá, idade de piloto é essa, 26, 27 anos, ganhou outra chance. [Pô, pior que eu não conheço os caras da Ferrari, nunca vi correndo.]

  2. Olegário disse:

    Sou mais ele correndo que outro alemão… (Na f1 já estão confirmados 6 alemães… ainda não tem nenhum Frances, Japones e Finlandês… clássicos da F1) Me broxa muita gente de um mesmo país num grid (inclusive 3 brasileiros tá bom… 4 vai dar problema pra Globo HAUHAUHAUA)

  3. fabricio disse:

    Puta post babaca!!!!!

  4. Eduardo Azeredo disse:

    Acho que o Felipe precisa ver o passadão por fora que ele mandou no Bleekemolen na A1 GP em Eastern Creek.

    Na A1 o Tung foi um piloto normal, longe de ser barbeiro como eram os primeiros pilotos do time na categoria.

    Fico decepcionado de ler um post desses.

    • Felipe Paranhos disse:

      Ah, não exagera, Eduardo. Decepcionado, pô? hehe. E ele tá usando power boost ali naquela ultrapassagem, não? Fica mais fácil, a depender das condições do carro do ultrapassado no momento. Vi duas corridas dele na Superliga e continuei não vendo nada de mais, embora também não tenha feito besteira. Mas é o segundo cara que me diz que eu tô exagerando sobre o Tung. Vou ficar de olho, às vezes eu pus nele aquele rótulo que sempre critico aqui.

  5. Eduardo Azeredo disse:

    Se você notar no gráfico das imagens, tanto o Tung quanto o Bleekemolen usam o powerboost na hora. Então fica pelo vácuo e pela ousadia do chinês (radicado na Holanda, diga-se de passagem hehehe).

    Ele é bom piloto e já testou pela Williams tem algum tempo, se não me engano. Assim como tem o Frankie Cheng que já testou pela McLaren em Brno alguns anos atrás e teve uma passagem razoável (mas não melhor que a do Tung) na A1 GP.

    Óbvio, não vou delirar dizendo que o cara deveria ser titular absoluto na F1, mas tá longe de ser uma figura caricata como Yoong ou Karthikeyan que tem mais status por sua nacionalidade incomum no automobilismo que própriamente pelos seus méritos como pilotos.

    Em todo caso, fico feliz de ver que o blog é um espaço amigável pro debate!

  6. Eduardo Azeredo disse:

    Uma observação que eu esqueci de fazer: essa ultrapassagem valeu ao Tung a terceira colocação na corrida em questão, o que foi o melhor resultado dos chineses na categoria.

  7. Rodrigo Rocha disse:

    Eu vi um certo preconceito nessa postagem…Ele é chinês, mas é bom! Não aparenta ser o que aparentaram ser em categorias menores um Grosjean (que na Fórmula 1 foi pífio), um Rosberg ou um Di Grassi, mas ele é muito rápido…Concordo 100% com o Eduardo Azeredo.

    • Felipe Paranhos disse:

      Pô, não é preconceito. Eu assisti várias corridas dele, e o cara só fez merda. Eu não vi muito a A1GP quando ele correu, e quem viu, caso do Eduardo, garante que ele tá melhor. Fiquemos assim, então.

  8. Rodrigo Rocha disse:

    Preconceito no sentido de que “se é japones, chines, russo ou de algum país que não tem tradição em formar grandes pilotos, não presta”. Eu também esperava mais dele em 2009, mas a GP2 é terrivel hoje em dia com os inexperientes. E ele não é um Rosberg ou um Grosjean, mas está longe de ser um Ananda Mikola ou um Alex Yoong (era assim que se escrevia?). Acho que tem pilotos piores, de pior curriculo, com menos patrocínio e que tiveram vagas numa Fórmula 1 recente…Lógico que tem mais gente que mereça mais, mas há 10 anos eu nem imaginava que um chinês pudesse vencer um GP de uma categoria como a A1GP (que é parecida com o Ho-Pin Tung, nem 8 nem 80…hehe).

    Ótimo blog, acompanho desde os tempos do Zeroforce (embora a gente sempre discorde, já que eu era fã mesmo da Minarae!)

    • Felipe Paranhos disse:

      hahahaha! Valeu, Rodrigo. Você foi um dos meus primeiros leitores lá, hehe. Ainda tô vendo o que vou fazer com o Zeroforce, mas vou tomar uma decisão até o fim do ano. Enquanto isso, continua com a gente por aqui! Abraço!

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo