Publicidade

Publicidade
02/02/2010 - 17:54

Barrichello vive momento de aprendizado em equipe

Compartilhe: Twitter

Rubens Barrichello quis fugir de uma análise fria de resultados e celebrou o avanço do trabalho da Williams no segundo dia de treinos coletivos da F1 no circuito Ricardo Tormo, em Valência, na Espanha, nesta terça-feira (2). Em entrevista dada aos jornalistas presentes na pista espanhola – incluindo o repórter do Grande Prêmio, Marcelo Ferronato –, o piloto da Williams afirmou que agora é um momento de aprendizado.

Ao responder a pergunta feita pela reportagem do GP sobre as diferenças dos dois treinos realizados nesta semana, Barrichello disse que o carro mudou bastante de segunda para terça. E foram mudanças que vieram para melhor.

Apesar de não chegar ao tempo ideal – foi o quinto colocado –, o brasileiro preferiu não entrar em pânico e ressaltou a dificuldade para ler e fazer uma análise da F1 atual devido ao fim do reabastecimento. Rubens contou que só testou até agora com bem mais da metade do tanque cheio, nunca menos, o que deixa o carro mais lento.

No mais, Barrichello demonstrou estar em lua-de-mel com sua nova equipe e fez uma série de elogios aos novos companheiros.

Aqui no BloGP, o internauta pode conferir o que o brasileiro falou após mais um treino de pré-temporada da F1.

Ouça aqui a entrevista com Rubens Barrichello, direto de Valência, na Espanha

Marcus Lellis – @marcuslellis

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , , , , , , ,

Ver todas as notas

5 comentários para “Barrichello vive momento de aprendizado em equipe”

  1. Igor BdA disse:

    P*rra!!!! 50 anos de Formula 1 e ainda está em fase de aprendizado?!?!?!?!

    Assim fica difícil!!!!!!!!!!!!!!!!

  2. disse:

    Vcs não entendem nada…
    Nem convém explicar…

    Melhor vcs entrarem em blog de futebol do que F1.

  3. Mariana disse:

    Zé , piloto que é fera não tem esse papo de adaptação depois de 17 anos de formula 1, Schumacher só andou 50 voltas com um carro Formula 1 antes de sua estréia no GP da Bélgica de 91, pouco conhecia o carro Jordan, sequer conhecia a pista e chegou marcando o sétimo tempo logo de cara na classificação oficial com uma equipe que estreiava na F1. Rubinho ficou 6 anos na “escolinha” Michael Schumacher na Ferrari e pouco aprendeu, em 2009 com equipamento igual levou surra de Button, vai por a culpa nas estratégias novamente como fazia na Ferrari? Rubinho é uma piada pronta, nem vice foi em 2009. Se fosse fera Rubinho fazia que nem o Vettel, chega e anda forte logo de cara como fez nos testes com a BMW em 2007, Rubinho só da desculpas e chora, por isso nunca foi campeão e nunca vai ser, é um bundão! Se vc sabe melhor sobre o assunto então começe sua aula sobre formula 1, estamos esperando, pelo que vc escreveu não convenceu ninguém!

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo