iG

Publicidade

Publicidade

Arquivo de dezembro, 2010

31/12/2010 - 19:26

2011

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos

Na vida: saúde.

Na F1: Kobayashis.

Na Indy: sucesso à parceria De Ferran-Kanaan.

Na GP2: respeito por quem assiste e cobre a categoria.

Na MotoGP: Rossi forte na Ducati.

No WRC: um adversário pra Loeb.

Na Stock Car: corridas que acabam quando terminam.

Na F-Future: gente.

Na CBA: decência, coragem, trabalho, fim das mentiras.

Sonha, garoto, sonha.

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , , , , , , ,
28/12/2010 - 19:42

Dia de los Santos Inocentes

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos

Todo dia 28 de dezembro, alguns veículos jornalísticos de língua espanhola publicam informações falsas, como comemoração do Dia de los Santos Inocentes, o dia da mentira em países hispânicos. A principal do dia no esporte foi a contratação de Ronaldinho pelo Chivas, do México, publicada na capa do jornal “Record”, daquele país.

No automobilismo, também sempre há pelo menos uma Inocentada. Este ano, foi a chegada de Fernando Alonso à Hispania, divulgada pelo site Motorgoo. Segundo o texto, Alonso colocaria € 10 milhões na equipe, a fim de proporcionar o desenvolvimento de um bom carro. O sonho de Fernando seria “ganhar o Mundial com uma equipe espanhola”, o que foi encarado como “alta traição” pela Ferrari.

Apesar do absoluto nonsense da matéria, o site ainda alerta os mais desligados no fim do texto: “Feliz dia 28 de dezembro!”

No ano passado, não foi assim. A notícia que eles deram, se não me engano sem avisar da mentira no fim, envolvia Nelsinho Piquet, e confesso não lembrar o que foi. Eu tinha aqui o print de um site brasileiro que caiu. Mas deletei, já. E esqueci qual foi a pegadinha.

P.S.: Encontrei! Não foi aquele site, não, foi o Motor21. Eis a Inocentada de 2009: http://is.gd/jHkd7

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , , , , , , ,
27/12/2010 - 12:22

Retrospectiva 1997

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos

Fernando e Felipe Giacomelli estavam passeando pela internet enquanto eu trabalhava — malditos. Os dois crápulas do GP, porém, descobriram esse vídeo que me arrepiou. Nessa época, eu praticamente só assistia a Indy, nem curtia muito F1. Era criança, ainda. Nem lembro se vi a corrida ao vivo, mas os personagens, o narrador, o canal, até o nome esdrúxulo dado à Champ Car — Fórmula Mundial — me trouxe grandes lembranças.

E que corrida! Portland, 1997. Vale ver o finzinho. O vídeo que vi tem a narração do Téo José, no SBT, mas o infeliz do rapaz que subiu desativou a incorporação. Acho desativar embed uma babaquice, mas tem quem ache bom.

Então, vamos de Eurosport. A pista, outrora molhada, secou, e quem trocou para slicks se deu bem. Gil de Ferran, líder com a Walker, permaneceu com os de chuva, apostando na manutenção da liderança. Mark Blundell, da Pac-West, veio lá de trás, com pneus lisos, almoçando os adversários um a um. E, no final… Quase deu Raul Boesel.

Autor: - Categoria(s): F-Indy Tags: , , , , ,
23/12/2010 - 23:05

Parabéns, Lotus Racing

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos

Só escrevo nas folgas quando algo me chama muito a atenção. É o caso deste vídeo. Não é novidade que eu acho a Lotus (do Tony Fernandes, a outra é um mero aluguel) uma equipe séria, que merece evoluir muito na F1. Mas vendo este vídeo de encerramento da primeira temporada do time, cheguei à mesma conclusão que um dos usuários do YouTube que comentou na página: o Fernandes deveria mandar a Lotus Renault às favas, mudar o nome pra, sei lá, Flower GP e seguir seu caminho.  É bom que cria uma motivação interna na equipe: vencer, ainda que no futuro, a Lotus oportunista.

Voltando a falar do vídeo, impressionante lembrar como a equipe saiu do nada [não à toa Kova mostrou descrença quando chegou em Hingham pela primeira vez], fez um carro em quatro meses mesmo tendo sido a última das equipes a ser confirmada, foi a melhor das novatas e, além disso tudo, estabelece um programa de jovens interessante, fazendo uma equipe B na GP2.

“Obrigado por todo o apoio. Nós vamos deixar vocês orgulhosos”, disse Fernandes a fãs agora no fim do ano.

Parabéns, Lotus Racing.

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , , ,
23/12/2010 - 14:23

Ouro negro

Compartilhe: Twitter

JOÃO PAULO BORGONOVE
@Borgo_

Raphael Campos (@themightybeard), campineiro que vive na Inglaterra, foi o vencedor do concurso realizado pela Lotus (a do Fernandes e de Kovalainen e Trulli) com as cores preta e dourada que iriam ser usadas pela equipe em 2011. Iriam, porque a Lotus Renault (a da Proton e de Kubica e Petrov) resolveu se antecipar e anunciou que correrá com a clássica pintura. Ou seja, Raphael venceu, mas não verá sua pintura na temporada de 2011.

Mas ao menos a pintura será colocada em um carro que será usado para exposições. Menos mal. A pintura ficou lindona. Muito boa.

Clicando aqui você pode ver a pintura por vários ângulos.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
22/12/2010 - 16:32

Voando pra Malásia

Compartilhe: Twitter

FERNANDO SILVA
@fernandomagall

Johnny Cecotto Jr., que foi dispensado da Trident antes da etapa de Monza da GP2, tem praticamente tudo acertado para correr pela Air Asia, a nova equipe de Tony Fernandes na categoria-escola e filial da Lotus Racing.

O BloGP soube que, além do venezuelano de 21 anos — mas alemão de nascimento — existem dois candidatos a companheiro de Cecotto na equipe malaia: o luso Álvaro Parente, que substituiu Alberto Valério na Coloni em Spa-Francorchamps e em Monza — obtendo bom desempenho, principalmente na Bélgica —, ou ainda Giedo van der Garde, que nutria esperanças de ocupar o cockpit da Marussia Virgin, mas perdeu a vaga para Jérôme D’Ambrosio.

A vaga na Air Asia é uma das mais cobiçadas no grid da GP2 porque representa um acesso mais fácil à F1. Recentemente, a cúpula do Team Lotus dispensou Fairuz Fauzy do cargo de piloto reserva da equipe, o que possibilitará a um, ou talvez aos dois pilotos da Air Asia se revezarem na função durante a temporada de 2011.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
21/12/2010 - 11:23

Prazer, sou Bia

Compartilhe: Twitter

JOÃO PAULO BORGONOVE
@Borgo_

Bia Figueiredo deu show no Desafio das Estrelas, isso já não é mais segredo pra ninguém. Mas Bia se apresentou para muita gente neste domingo (19). A corrida, transmitida pela Globo e com narração do Galvão Bueno – e acreditem, o Galvão quase dobra a audiência dos eventos que narra – foi como um ‘Olá’ de Bia para quem não costuma acompanhar o automobilismo, e até aqueles que só se interessam pela F1. Bia disse, sem usar uma palavra, tudo o que sempre quis dizer.

Galvão ficou encantado. Reginaldo Leme, que sempre elogiou a bela moça, aumentou seu tom. Bia Figueiredo, e não Ana Beatriz – o único passo errado da carreira da pilota, ao meu ver, foi mudar seu nome para correr nos States – chegou a ficar com a quarta colocação nos Trending Topics mundiais do Twitter.

Bia mostrou que é competitiva, carismática e midiática. E aí surge a pergunta: cadê o apoio? A Ipiranga bancou duas corridas da Bia na Indy em 2010: São Paulo e as 500 Milhas de Indianápolis. Também viu sua marca ser muito, mas muito exposta neste domingo. Particularmente acho que a Bia garantiu sua temporada 2011 na Indy.

Boa sorte, concorrentes da Bia!

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
18/12/2010 - 16:15

Apenas um mal-entendido

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos

O Desafio das Estrelas de Kart foi alvo de uma polêmica virtual neste sábado (18). Começou quando Danilo Dirani e Ruben Carrapatoso, dois ótimos pilotos — Ruben foi campeão mundial na categoria Formula A em 1998, com André Nicastro em terceiro —, emendaram uma conversa no Twitter.

Na noite de sexta-feira (17), Carrapatoso fez um comentário ironizando a imprensa automobilística. “Estranho? Final de ano é a unica epoca do ano q os jornalista se lembram de existe o KART !!! #fail”. Em seguida, acrescentou: “PQ SERÁ?”, antes de dar a entender que as “estrelas” do Desafio vieram do kartismo.

Danilo, então, questionou: “E pq sera q n tem kartista la ne man??Medo talvez??haha”. Em clima de brincadeira, aprovou o comentário de um seguidor que perguntou se o não-convite a kartistas era por medo de “tomar passão por fora na TV”.

Piloto da F-Truck, Dirani explicou, logo depois, que não fazia tais afirmações por querer estar em Florianópolis, mas por querer mais atenção para o kart durante o ano, não só quando pilotos de outras categorias fazem a festa de fim de temporada.

O assunto parecia ter acabado quando Tony Kanaan retrucou. “Por essas e outras e que o Kart não e mais o mesmo. O recado ta dado. Mais respeito e bom. Provas como essa e a da Granja só ajudam o kartismo”. Thiago Camilo, piloto da Vogel na Stock Car, concordou com Tony. Em resposta, o baiano endureceu: “Por isso que vão correr de Kart pro resto da vida. Cabeça pequena não vai a lugar nenhum.”

E continuou. “Ninguém tem medo d tomar pau aqui,não e esse o propósito da prova.Quando vcs ganharem um campeonato Mundial em uma categoria principal. Aí quem sabe podem começar a falar tanta besteira. Usem o exemplo Granja e Desafio que se ajudaram e cresceram juntos”. No fim, com personalidade, Tony citou os twitters de Danilo e Ruben.

Explicado o que aconteceu, falo eu. E, sem querer ficar em cima do muro, acho que os dois lados têm razão e perdem um pouco da razão também. A imprensa automobilística dá, sim, muito menos atenção ao kart do que às outras categorias. Primeiro pela noção de que kart é escola para outras categorias, mesmo não sendo só isso. E trata-se de uma noção mundial, não só brasileira. Em segundo lugar porque essa noção é secular, e o tamanho da cobertura jornalística de qualquer lugar mais reflete do que alimenta interesses por algum assunto.

Entendo, porém, que deve ser uma merda se dedicar o ano inteiro ao kartismo e ver, no fim do ano, pilotos de monoposto terem tanto espaço fazendo justamente o que eles fazem por seguidas temporadas. Só que trata-se de um evento privado. Como tal, convida-se quem quiser — e quem seus parceiros quiserem.

O kartismo está representado na prova. Leonardo Nienkötter, representante catarinense, é kartista, conquistou o Brasileiro de Kart e o SKUSA Super Nationals nos Estados Unidos neste ano, em que estreou no Trofeo Linea. Até acho que a família Massa poderia convidar mais gente do meio, mas tem o direito de não fazer. Pode-se falar da presença de um não-piloto, o ator Marcos Pasquim, mas a mim parece claro que a participação dele é uma concessão feita pela organização da prova à TV Globo — conforme já falei em post passado, Pasquim será o protagonista da próxima novela das 7. Concessões são feitas mundo afora, em qualquer negócio/empresa. E, afinal, a Globo transmite as baterias da prova em seus canais aberto e fechado, e isso gera interesse para o kart, tão caro e massacrado por gestões e gestões da Confederação Brasileira de Automobilismo.

É evidente que pilotos consagrados, que demonstram talento e habilidade por anos a fio, não têm medo de enfrentar kartistas profissionais. Achei que a declaração do Danilo sobre o medo foi em tom de brincadeira, mas a linguagem escrita não tem os recursos da falada e às vezes causa um entendimento confuso. Pra mim trata-se de um grande mal-entendido.

Nesta, eu tô com o Allam Khodair, que sempre me pareceu boa gente pacas e segurou a onda da rapaziada no Twitter. Bola pra frente, pessoal.

Autor: - Categoria(s): Kart Tags: , , , , , , , , ,
15/12/2010 - 15:14

Kers emagrecer? Pergunte-me como

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos

Um piloto é um atleta. Atletas não podem se dar ao luxo de engordar. Mas um atleta precisar emagrecer para ajudar a equipe é uma palhaçada, convenhamos. Fernando Alonso, 1,70 m e 68 kg, pretende perder 3 kg. Rubens Barrichello também vai perder peso, a pedido da Williams.

Tudo isso por causa do KERS. A solução que a F1 encontrou para parecer “verde” causou polêmica em 2009 e, convenhamos, não fez a menor falta neste ano. O sistema, que deu mais uma variável negativa para algumas equipes, vai voltar em 2011.

A distribuição do peso em um carro é primordial em seu desempenho, pois altera a estabilidade. Assim, os três pilotos bem mais baixos (e, portanto, mais leves) que seus companheiros levaram vantagem em 2009, como nos casos de Heidfeld-Kubica na BMW (19 pontos a 17), Vettel-Webber na Red Bull (84 a 69,5) e Fisichella-Sutil (8 a 5). As diferenças de altura nestes casos eram de 22 cm, 10 cm e 11 cm, respectivamente.

Talvez seja coincidência. Mas será que ser alto ou baixo vai entrar no critério de escolha de pilotos pelas equipes? Não duvido… Em breve, pra entrar na F1 vai ter que ser rico, carismático, bonito… e micro.

Atualização: Pessoal nos comentários mostrou que eu sou um tanga desinformado e que FI e Red Bull não tinham KERS em 2009. Portanto, os exemplos que citei não fazem o menor sentido. Desculpem os transtornos. Em obras.

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , , , ,
14/12/2010 - 15:53

Falta alguém ao Desafio?

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos

Saiu a lista completa do Desafio das Estrelas de Kart. A prova, que vai acontecer neste fim de semana, em Santa Catarina, vai ter 27 karts, com 25 pilotos brasileiros, um estrangeiro — Jaime Alguersuari — e um ator no volante, Marcos Pasquim, notório sem-camisa das novelas da Globo. Confesso não saber por que ele vai correr, mas sei que será o protagonista da próxima novela das 7.

Que a relação já teve nomes melhores, é fato, mas negociação é negociação, às vezes os internacionais podem ter furado, mesmo. De certa forma, é bom ver também alguns nomes menos falados do automobilismo brasileiro dividindo a pista com o pessoal da F1.

Por isso quero saber: do automobilismo brasileiro, faltou alguém na lista? Fora o Gerson Gouveia, é claro.

F1 |
Bruno Senna
Felipe Massa
Jaime Alguersuari
Lucas Di Grassi
Rubens Barrichello

Indy |
Bia Figueiredo
Hélio Castroneves
Tony Kanaan
Vitor Meira

GP2 |
Alberto Valério

FIA GT1 |
Enrique Bernoldi

F-Nippon |
João Paulo Oliveira

Trofeo Linea |
Leonardo Nienkötter

Trofeo Linea/Stock Car |
Cacá Bueno
Christian Fittipaldi
Popó Bueno
Ricardo Maurício
Thiago Camilo

Stock Car |
Allam Khodair
Antonio Pizzonia
Luciano Burti
Marcos Gomes
Max Wilson
Ricardo Zonta
Xandinho Negrão

F-Truck |
Felipe Giaffone

Convidado |
Marcos Pasquim (ator)

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , ,
Voltar ao topo