Publicidade

Publicidade
21/12/2010 - 11:23

Prazer, sou Bia

Compartilhe: Twitter

JOÃO PAULO BORGONOVE
@Borgo_

Bia Figueiredo deu show no Desafio das Estrelas, isso já não é mais segredo pra ninguém. Mas Bia se apresentou para muita gente neste domingo (19). A corrida, transmitida pela Globo e com narração do Galvão Bueno – e acreditem, o Galvão quase dobra a audiência dos eventos que narra – foi como um ‘Olá’ de Bia para quem não costuma acompanhar o automobilismo, e até aqueles que só se interessam pela F1. Bia disse, sem usar uma palavra, tudo o que sempre quis dizer.

Galvão ficou encantado. Reginaldo Leme, que sempre elogiou a bela moça, aumentou seu tom. Bia Figueiredo, e não Ana Beatriz – o único passo errado da carreira da pilota, ao meu ver, foi mudar seu nome para correr nos States – chegou a ficar com a quarta colocação nos Trending Topics mundiais do Twitter.

Bia mostrou que é competitiva, carismática e midiática. E aí surge a pergunta: cadê o apoio? A Ipiranga bancou duas corridas da Bia na Indy em 2010: São Paulo e as 500 Milhas de Indianápolis. Também viu sua marca ser muito, mas muito exposta neste domingo. Particularmente acho que a Bia garantiu sua temporada 2011 na Indy.

Boa sorte, concorrentes da Bia!

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:

Ver todas as notas

26 comentários para “Prazer, sou Bia”

  1. … Danica que se cuide… Faz tempo que eu digo, desde a época de indy light, que a Bia ultrapassaria a Danica fácil na pista, e com um pouco de sorte, também no mkt

  2. Reinaldo Marques Jr. disse:

    É lamentável ver um talento como a Bia, fazendo o que fez e ninguém se digna de patrociná-la nas categorias de maior expressão.
    Tenho absolutíssima certeza que, se a Bia estivesse na GP2, daria um show e seria campeã.
    Mas…me esqueci que trata-se de uma mulher e ainda por cima é brasieira….deixa prá….melhor mesmo é ficar paparicando uma tal Danica Patrick, que apesar de ser mulher é americana, não é mesmo?
    Tive o privilégio de acompanhar a Bia em outras categorias e o seu talento é inquestionável, bem como o carisma que ela possui é digno de um pessoa campeã.
    Apesar da exposição na mídia, é uma mulher simples, humilde e não usa sua imagem de maneira leviana ou com uma conotação ou apelo sensual. É bonita e possui um porte físico também bonito, mas, é focada somente naquilo que gosta de fazer…..pilotar monopostos e muito bem.
    Parabéns Bia….mostrou pros machões como se faz!!!!

  3. Andre disse:

    Tem gente que viaja… Já querem comparar Bia com a Danica. Teve oportunidades na Dreyer esse ano e não fez nada. Se conseguiu estar na frente de Simona e Danica em SP foi graças a um conservadorismo que não admiro em pista.

  4. André disse:

    Uma grande lástima ver um talento desses migrar para os tediosos e sem graça circuitos ovais…

    • Emmanuel disse:

      É, até pq deveria estar em Abu Dhabi, ou na linda Hungaroring…. fala sério, a Indy hoje corre mais em circuitos mistos e a partir de 2012 deve mostrar um excelente nível com o novo regulamento. Torço para que não apenas a Bia, mas outros bons pilotos venham a acrescentar a Indy, que possa ser novamente uma categoria que volte a rivalizar com essa podre F1 e seus tilkodrómos e que tenhamos uma cobertura digna por parte da Band.

  5. Ela merece e muito! Mas precisa MESMO de alguém que aposte nela… Hoje em dia no automobilismo você precisa além de talento ter alguém que aposte alto em você. Na época em que um Hulkenberg é chutado da equipe por dinheiro… Esperar pra alguma alma boa aposte nela também!!

  6. Ricardo T Costa disse:

    Só tem um probleminha, como qualquer piloto vai receber apoio de uma empresa nacional se a emissora oficial da Indy mal transmite as provas? Até em horários de corrida que não tem futebol a emissora prefere transmitir o formigueiro, raul gil e etc.

  7. silva jr disse:

    A menina anda muito, e muito mesmo, foi uma pena nao ter corrido a temporada toda da Indy esse ano, mas tem tudo para andar bem em qualquer monoposto.

  8. Fernando disse:

    A Bia tem talento mas calma lá, estou lendo os comentários e tem gente dizendo que é só colocar ele na GP2 que ela seria campeã.. vale lembrar que a bia correu 3, 4 corridas esse ano na indy e sinceramente, não fez nda.. mas acredito nela e apostaria minhas fichas em um bom 2011, caso ela faça uma temporada completa

  9. Alexandre Fernando Sovinil disse:

    Bia é bota.

  10. Carlos Ganhadeiro disse:

    Comparar Dreyer com Andretti? Sem chance! É melhor que a Danica, em todos os sentidos…
    A exposição que a Ipiranga teve nesses dias paga o patricínio umas 10 vezes! Bacana seria se a Ipiranga apoiasse a piloto por toda a temporada de 2011 e bancasse uma vaga na de Ferran, junto com o Tony.

  11. Alexandre Lourenço -SP disse:

    Espero que os seus atuais sponsors abram o olho e agradeçam bastante a ela por estar levando suas marcas a altíssimas exposições e com muita positividade, ela bem que merecia o mínimo de apoio das empresas do seu país, seria um absurdo ela ficar pelo caminho por FALTA disso, como dizem os americanos ,’ GO BIAAAA!!!!

  12. POLICE MAN disse:

    Infelizmente, BLOG sob censura…
    Deletaram minhas mensagens.
    Bia entra aqui via Maria da Penha… tá louco! Quer fazer média com a Bia?

  13. Leandro AG disse:

    Nem tanto ao céu, nem ao inferno. Todos sabemos que o empresário da Bia é o André Ribeiro, que pouco realmente tem feito por ela além do que colocá-la a correr em provas esporádicas. Não seria o caso de ela trocar de empresário e arranjar algum que decididamente queira administrar sua carreira corretamente? Comparar Bia com Danica Patrick? Como há gente que viaja demais e gosta de comparar pilotas diferentes com trajetórias diferentes. Campeã na GP2? Será que as pessoas não soltam a imaginação e exigem dela o que não exigiriam da própria filha se esta fosse piloto?

    Talvez com um empresário sério e melhor organização por conseguinte, a Bia conseguirá patrocínio para a temporada inteira e aí sim poderemos julgar corretamente suas capacidades, não somente tendo por base corridas esporádicas em equipamentos defasados ou “desafios” de kart eventuais.

  14. Celso disse:

    Piloto, não se conhece em uma temporada, uma corrida ou algum festival de kart ou qualquer outra coisa… Precisa provar desde cedo que tem competência !
    A Bia Figueiredo, prova e comprova isso, desde que sentou em um kart pela primeira vez. Essa menina pilota muito ! Tem competência para pilotar em qualquer carro que derem pra ela.
    Qualquer pessoa que acompanhou a carreira dela, sabe disso.
    Dêem um patrocínio e uma temporada inteira numa equipe mediana e ela vai mostrar tudo o que sabe.
    GO BIA !!!!!!!!!!!!!!!!!!

  15. Doctor_House disse:

    Eu sou fã de carteirinha da Bia, mas eu digo apenas que ela tem que desenvolver mais a estratégia, já que as provas da Indy são longas, envolvendo pitstops obrigatórios e tudo mais.
    Pelo arrojo que demonstrou na prova de kart, ela meio que encarnou o “caboclo” AYRRRRTON SENNA DO BRASIIIIL. A diferença é que este dava um show como aquele por semana, enquanto ela é de muitos altos e baixos.
    Mas eu acredito na Bia, até por que se ela cometeu alguns constrangedores algumas vezes, tem muito BARBADO que fez, faz e vai continuar fazendo COISA MUITO PIOR. Ela guia no mesmo nível dos homens, superando muitos deles. Lembrem-se, no DESAFIO DAS ESTRELAS os carros eram todos IGUAIS. ; )

  16. Doctor_House disse:

    No post anterior, um pequeno erro: “(…) se ela cometeu alguns ERROS constrangedores (…)”
    Eu só fiquei decepcionado com o Sam Schmidt, que só por causa daquele acidente em Indianápolis, passou a considerar a Bia um VITTORIO BRAMBILLA de saias, parecendo que esqueceu tudo o que ela havia feito de bom no ano anterior.
    Realmente, o ano de 2009 não foi muito bom para Bia Figueiredo, apesar de mesmo assim ter conseguido uma vitória empolgante 2 corridas depois do acidente. 2010 foi um ano de aprendizado com o chamado “objeto do desejo” dos pilotos. Em 2011, tenho fé que ela consiga um carro que se não der pra vencer, que pelo menos a faça chegar numa posição TOP 10. Vamos esperar. :

  17. Renato Campestrini disse:

    Vi o início de carreira da Bia, quando ela vinha correr os campeonatos em Itú: Fórmula Pakalolo, Troféu Schincariol dentre outros, e ela sempre foi rápida e levava todas.

    Penso que ela pode vir a fazer algo muito melhor ainda no automobilismo, basta surgir a oportunidade.

    Enquanto isso, Parabéns à ela pela Vitória no Desafio, minha esposa e eu torcemos muito por ela.

  18. Eduardo disse:

    Eu vejo a ida da Bia para os Estados Unidos como um recomeço. Ela estava parada até ir para a Indy Lights e daí mudar para a Indy. Não tinha mais espaço (ou verba) para permanecer em alguma categoria européia, e o automobilismo nos Estados Unidos é muito mais ace$$ível…

  19. Doctor_House disse:

    A Bia já merecia um teste com carro de F1, mesmo que não fosse dar em nada depois.
    UTOPIA: Red Bull
    VIÁVEL: Williams (o primeiro F1 que Senna testou)
    PESADELO: Hispania.
    ; )

  20. junio messias disse:

    torcedores brasileiros sao muito engraçados
    ela mal ganha uma corrida fundo d quintal e ja a chaman de deusa oq ela fez na copa mini aqui no brasil eo ano d barbeiragens na indy lights todo mundo esqueceu e

    • Felipe Paranhos disse:

      Você está sendo extremamente injusto. Primeiro que ela foi convidada para correr de Mini, fez um treino e uma corrida. É ridículo exigir desempenho de ponta. Segundo, não houve ano de barbeiragens na Indy Lights. Em 2008 ela foi terceira colocada, em 2009, apesar de ter sido oitava, não fez um ano de barbeiragens, apenas não conseguiu o que esperava. Digo isso tendo trabalhado em todas as corridas da Lights naquele ano.

      O torcedor brasileiro não é engraçado, mas muitas vezes é ignorante.

    • Doctor House disse:

      Messias, você é que é um PÂNDEGO.
      É certo que a Bia cometeu uma série de erros no ano de 2009, já que definitivamente não estava numa boa fase.
      Entretanto, pilotos mais que consagrados, como AYRTON SENNA,. NIGEL MANSELL, MICHAEL SCUMACHER, NÉLSON PIQUET, SEBASTIAN VETTEL, LEWIS HAMILTON, e até o quase infalível “professor” ALAIN PROST cometeram erros grosseiros até nos auges de suas carreiras. Isso só citando CAMPEÕES MUNDIAIS. E ninguém contesta o talento deles. Talvez por que sejam todos HOMENS.
      Portanto, mais do que nunca, a última frase do Paranhos tem endereço mais do que certo: VOCÊ. ; )

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo