Publicidade

Publicidade
15/04/2011 - 19:08

Continuem de olho

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos

Cesar Ramos foi o mais rápido do dia na sexta-feira de treinos livres em Aragón. O brasileiro formou a dobradinha da Fortec com Alexander Rossi, segundo colocado à tarde, mesmo período em que o gaúcho de Novo Hamburgo conquistou sua ótima volta em 1min43s333, exatamente 0s001 mais rápido do que o norte-americano, que fora segundo também pela manhã. No treino matutino, com a pista mais lenta, Ramos foi o 13º.

O terceiro foi Albert Costa, da Epic. Daniil Move, que deixou a Mofaz — Junior Lotus do Tony Fernandes — para correr na P1, iniciou bem o fim de semana, ficando no top-5 nas duas sessões.

Semanas atrás, disse aqui que achava grandes as chances de Cesar disputar o título. Continuo acreditando nisso. O favorito disparado é Daniel Ricciardo, da ISR, vice-campeão no ano passado e piloto de testes da Toro Rosso. Só que, assim como acontece neste fim de semana,  o australiano terá de pilotar o carro de F1 na sexta-feira de treinos em mais duas ocasiões nesta temporada.

Se Ramos for sólido durante o campeonato, portanto, fica mais fácil a missão de superar Ricciardo, mais experiente e numa equipe mais forte do que a Fortec do brasileiro.

Falando na ISR, o time de Ricciardo começou mal o fim de semana. Conforme dito na apresentação do campeonato que fiz com o Felipe Giacomelli, do ótimo World of Motorsport, a equipe anunciou uma dupla e estreou em 2011 sem ela: Daniel está na China com a F1 e Dean Stoneman, atual campeão da F2, abandonou o campeonato antes mesmo da pré-temporada por conta de um câncer nos testículos. Lewis Williamson e Nathanaël Berthon, substitutos, não têm a mesma qualidade.

O outro brasileiro da categoria, André Negrão, também iniciou forte a abertura do campeonato. O primo de Xandinho, ex-piloto da GP2, atualmente na Stock Car, superou o companheiro de Draco Stéphane Richelmi no acumulado dos tempos. E é essa a verdadeira disputa do piloto de 18 anos. Richelmi, três anos mais velho, vem do vice-campeonato da F3 Italiana — perdeu para Cesar Ramos —, então superá-lo na temporada será como um título para o paulista.

E atenção: amanhã, às 9h, o Bandsports transmite a primeira corrida da categoria. No domingo, o mesmo.

Atualização: Ramos teve problemas na primeira corrida, terminando em 23º.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags: , , , , ,

Ver todas as notas

4 comentários para “Continuem de olho”

  1. Juan Paul Montracy disse:

    Po, secou o rapaz….

    Pelo menos os dois brazucas apareceram na transmissão.

    • Felipe Paranhos disse:

      haha, de fato. Que zica eu botei. Mas o cara é bom, vai longe. Tanto que foi o Rossi, companheiro dele, que venceu a corrida. Abraço!

  2. Ricardo Louzanne disse:

    Tssss…. mais um brazuca que vai torrar os milhões do pai e vai voltar p andar de stock.
    O bom piloto a gente vê nas horas em que não se pode falhar.

    • Felipe Paranhos disse:

      Chega a ser cruel avaliar alguém por uma corrida. Pior: em que teve problemas. Essa implicância chata com pilotos brasileiros lá fora só prejudica o automobilismo. Não se deve incensar indiscriminadamente alguém por ser brasileiro, mas ficar colocando alguém para baixo de graça chega a ser ridículo.

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo