Publicidade

Publicidade

Arquivo da Categoria MotoGP

06/10/2010 - 13:55

Batalha de egos

Compartilhe: Twitter

Luana Marino

“Lorenzo tinha dito que queria disputar uma corrida até a última volta comigo. Isto é correr comigo até a última volta”.

A frase acima foi dita por Valentino Rossi um dia depois do eletrizante duelo entre ele e Jorge Lorenzo nas últimas voltas do GP do Japão. Rossi, como se sabe, é conhecido e idolatrado por dar show nas pistas, protagonizando grandes duelos com os adversários. Não é novidade nenhuma também que o heptacampeão vende caro uma ultrapassagem – característica, aliás, de nove entre dez super campeões no esporte a motor.

Pois bem, foi exatamente o que aconteceu. Lorenzo precisou fazer de tudo para passar Vale, e quando isso aconteceu, foi na marra. Mas Rossi deu o troco (na marra também, dando toque para tudo o que é lado) e venceu o duelo particular até a última volta, como o espanhol tanto queria.

Como já era esperado, houve chiadeira de Lorenzo para todos os lados. Também pudera, mais do que o terceiro lugar, o espanhol perdeu uma luta pessoal contra Rossi. E o golpe doeu.

Já faz tempo que Lorenzo vem cutucando Valentino. Chegou a rebater uma declaração do italiano, dizendo que Rossi fez de tudo para que ele não aprendesse nada na Yamaha e que Rossi se acidentou porque ele, Lorenzo, o forçou a ir ao limite. O companheirismo entre os dois já foi há muito tempo.

Só que o acaso tratou de colocar os dois para duelar por uma posição. E Rossi demonstrou um ritmo até surpreendente em Motegi, para quem esperava ter dificuldades por causa do ombro lesionado. Já Lorenzo queria voltar ao pódio. Motivos de sobra para a garra demonstrada na pista.

Mas a disputa pelo terceiro lugar entre Valentino e Jorge foi pessoal. O orgulho de ambos falou mais alto ali, e era questão de honra chegar à frente do outro, independente da posição que estivesse valendo. Lorenzo não ia querer à sua frente um piloto todo lesionado, se recuperando de um grave acidente e ainda sentindo dores no ombro. Já o italiano queria provar que, mesmo lesionado, ainda era Valentino Rossi. A agressividade foi praticamente instintiva. No momento do pega, a moto de Rossi era nitidamente mais lenta, enquanto Lorenzo tinha uma mais equilibrada. O xis de Valentino e as curvas lado a lado com o espanhol foram no braço.

Foi, sem dúvida, um dos duelos mais bonitos dos últimos anos, mas que a Yamaha não quer ver novamente este ano. Se bem que, sinceramente, eu duvido que os moços se contenham, como pediu o time, caso a situação se repita. Afinal, o orgulho de Lorenzo está ferido, e o espanhol está doido por uma revanche.

Autor: - Categoria(s): MotoGP Tags:
09/09/2010 - 14:23

Falta de respeito à vida. Respeito ao show.

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos

A declaração foi feita no dia 6, segunda-feira, mas eu só vi hoje. Alex Debón, piloto da Moto2, criticou o que achou “falta de respeito por parte da organização” da MotoGP, que iniciou a corrida da categoria principal mesmo sabendo do estado gravíssimo de Shoya Tomizawa, também da Moto2, que foi dado como morto 20 minutos depois da largada da prova vencida por Dani Pedrosa.

Segundo Debón, era preciso “suspender a corrida da MotoGP, porque já se sabia desde o primeiro momento qual era o estado em que se encontrava o piloto”. “Sempre colocam o espetáculo e outros interesses à frente da vida de uma pessoa”, bradou.

Alex tem 34 anos, não é nenhum garoto. Corre nas 250cc — e agora, na sua equivalente, a Moto2 — desde 1998. Portanto, conhece muito bem os bastidores do esporte.

A resposta ao questionamento de Debón é complexa. Podem argumentar que a parte business do automoto é grande demais, envolve patrocinadores, TVs etc. E, assim, seria difícil impedir o início da corrida, mesmo que o estado do piloto fosse grave.

Mas tem um detalhe nessa história toda. Eu acompanhava a corrida, como alguns de vocês. Minha reação foi de putaquipariu imediato. Vendo a imagem, não havia dúvidas de que a situação era crítica. E que a possibilidade de morte era grande.

Adicionando à condição médica do piloto o despreparo da brigada de resgate, surge algo a se discutir. Não existe uma categoria esportiva de ponta ter um grupo de resgate que derruba (sim, derruba) a maca que carrega um piloto depois de um acidente gravíssimo.

A corrida da MotoGP deveria ter sido suspensa? Eu suspenderia. Vida é vida.

Autor: - Categoria(s): MotoGP Tags: , , , , , , ,
28/06/2010 - 10:36

Mestre

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos

Valentino Rossi sabe das coisas. O italiano sabe como utilizar todo tipo de mídia, espontânea ou não, a seu favor. Um capacete divertido, um macacão novo, um cartaz na arquibancada, uma fantasia, uma frase engraçada, uma declaração curiosa… Ele está em toda parte. Quanta coisa Rossi trouxe de bom para o motociclismo…!

É por isso que Valentino é o maior ídolo do esporte a motor desde Ayrton Senna. Michael Schumacher atraiu tantos seguidores quanto críticos. Todo mundo gosta de Valentino. Ou não?

O personagem Rossi me veio à cabeça depois de a amiga Luana Marino me mostrar a foto de fãs do italiano que o homenagearam no paddock de Assen, na Holanda, neste fim de semana. E de pedir para que eu visse o novo site do piloto. Vou fazer o mesmo com vocês. Cliquem aqui, escolham a linguagem,  pulem a introdução e comentem aqui: esse cara sabe ou não sabe das coisas?

Autor: - Categoria(s): MotoGP Tags: , , , ,
29/06/2009 - 12:07

O melhor

Compartilhe: Twitter

EFE

Essa foto diz tudo que precisa ser dito sobre Valentino Rossi, que conquistou neste sábado sua 100ª vitória na MotoGP — em todas as classes, que fique claro. Ninguém no mundo da velocidade tem tanto carisma quanto o italiano — e poucos têm se formos levar em conta todos os esportes.

E, obviamente, nada disso é de graça. Rossi é o maior piloto que eu já vi na minha vida, considerando qualquer porcaria com um motor e pneus de borracha. Vivi o auge da era Schumacher e sei o quanto o alemão era sensacional, mas Rossi consegue ser, além de melhor do que a rapa, ainda um verdadeiro show-man.

Minha listinha histórica (lembrem-se que sou de 1985 antes de criticarem) tem, nas cinco primeiras posições, os seguintes:

1º Valentino Rossi
2º Michael Schumacher
3º Fernando Alonso
4º Sébastien Loeb
5º Mick Doohan

E vocês? Quem são os seus melhores pilotos de qualquer coisa?

Abraços,
Francisco Luz

Autor: - Categoria(s): Listas, MotoGP Tags: , , , , ,
29/05/2009 - 13:27

Tudo como dantes

Compartilhe: Twitter

Bom… era esperado, não?

Agora, vai virar um clima de guerra até o dia 12, com declarações bombásticas saindo todos os dias sobre os valores que serão aceitos, quanto será reduzido, motores que terão de durar 250 temporadas e tudo mais… é o C13 das rodinhas, nada além disso. Manjo muito quando quero.

Só um pequeno detalhe: se for mantido o regulamento deste ano, como pediu a entidade, nada de provas sem reabastecimento no ano que vem. Uma pena – mas esse é um detalhe capaz de ser alterado, na minha opinião.

Enquanto isso, invejem a vida de Randy de Puniet na Itália, à espera da prova em Mugello:

É… uns aqui, outros com COELHINHAS. I T A L I A N A S.

A inveja é uma merda,
Francisco Luz

Autor: - Categoria(s): F1, MotoGP Tags: , , ,
Voltar ao topo