Publicidade

Publicidade

01/04/2011 - 14:05

1º de abril manjado. Mas tem gente que ainda cai

Compartilhe: Twitter


FERNANDO SILVA [
@Fernando_Silva7

SUMARÉ — Insatisfeita com a mudança dos motores de oito para quatro cilindros, a Ferrari deixa a F1 no fim da temporada de 2012 para disputar a temporada da Nascar e será comandada nas pistas por Michael Schumacher.

Os resultados recentes de Felipe Massa fizeram com que a Ferrari decidisse por sua saída imediata da equipe. Bruno Senna e Michael Schumacher são os cotados para assumir sua vaga.

Renault usará peças de ouro no R31 de Nick Heidfeld e Vitaly Petrov tanto nos treinos livres, quanto na disputa da corrida em Sepang, no próximo domingo.

Narain Karthikeyan vem a público dizer que a Hispania é uma equipe SÉRIA e que respeita a regra dos 107%.

Pilotos da Red Bull na Stock Car disputam a 11ª Corrida Nacional de JERICOS motorizados em Alto Paraíso de Rondônia.

Das frases acima, apenas a menção ao piloto indiano é verdadeira — apesar de ter sido publicada no começo da semana, é inverossímil do mesmo jeito —, por incrível que pareça. Todos os anos, nós jornalistas temos de ficar atentos ao 1º de abril, data em que as equipes, pilotos, e principalmente, a imprensa internacional costumam pregar suas peças. No entanto, está cada vez mais difícil dar um olé na rapaziada, cada vez mais esperta e atenta às tais histórias cada vez mais manjadas e estapafúrdias. Mas ainda assim, tem gente que cai, acredite.

O site ‘Paddock Talk’, aglutinador de notícias relacionadas a automobilismo, sediado na Inglaterra, divulgou a primeira notícia, assim como a suposta morte de Bernie Ecclestone — de tanto trabalhar —, cujo cargo de presidente da FOM seria assumido por Muammar Khadafi, com o poder cada vez mais ameaçado na Líbia. Já a saída de Massa da Ferrari foi divulgada no Twitter — maior disseminador de verdades e mentiras da atualidade —, enquanto a Renault entrou no clima e publicou a história das peças de ouro em seu site.

A Red Bull, bem-humorada como sempre, contou a mentira mais travestida de fatos reais vista hoje. A equipe enviou um release com muitas fotos e detalhes da participação de Cacá Bueno e Daniel Serra na corrida de jericos motorizados. Ainda que a notícia fosse suspeita, por conta da data, dois grandes portais e uma agência caíram na brincadeira e publicaram a nota como se fosse verdade. Pouco tempo depois, a assessoria da equipe veio desmentir a notícia, confirmando apenas que era uma nota alusiva à data. Acontece, faz parte, já diria o outro. Quem é que nunca caiu em uma lorota? Eu mesmo já caí em algumas boas, mas isso é história para outro post.

Tantas outras piadas são levadas ao público como se fosse verdade. O que é mesmo aquele botão de chuva idealizado por Ecclestone? E a intenção de se fazer revezamento de pilotos nos carros na última década? E muitas outras que já vimos e ouvimos por aí.

E você, qual foi a maior mentira já lida sobre a F1? Conte aqui.

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , , , , , , ,
20/01/2011 - 13:45

Belo presente

Compartilhe: Twitter

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]

SUMARÉ — Tem gente que nasceu com aquilo virado para a lua, como a gente costuma dizer aqui no interior. É o caso de Omar Khyami, modelo e designer que fez uma festa de aniversário de 26 anos no último domingo. Até aí, normal, mais uma festa de aniversário como tantas outras por aí.

O lance todo é que há seis meses, o cabra namora Tamara Ecclestone, filha lindíssima do chefão da F1. O casal já planeja se mudar para uma mansão na Inglaterra avaliada em US$ 120 milhões, pasmem, com a ajuda do velho Bernie. Que beleza!

Com uma mulher linda e um sogro cheio da nota, o que mais Omar poderia querer? Como presente, o modelo ganhou um bolo de aniversário tendo a própria Tamara como recheio. E que recheio!

É, amigo. Sorte é mesmo para quem tem.

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , ,
07/08/2010 - 13:48

Bernie, Bernie…

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos

No fim de semana passado, um evento comemorou o 25º ano do GP da Hungria. Estavam lá Felipe Massa, Fernando Alonso, Heikki Kovalainen, Michael Schumacher Lucas Di Grassi, Timo Glock, taças de champanhe e Bernie Ecclestone.

Os pilotos receberam homenagens do novo presidente húngaro, Pál Schmitt, e, no fim, Bernie teve uma conversa com o governante. Para quebrar o gelo, o presidente da FOM se saiu com uma tirada arriscada, no melhor estilo Luís Inácio Lula da Silva. Em frente a uma joia fechada em redoma, Bernie perguntou: “É feita na China?”

É uma coroa milenar húngara. Mais de mil anos, como se vê. Por sorte, os dirigentes húngaros levaram na brincadeira. Mas, se continuar com saídas ousadas, Bernardinho corre o risco de passar por senil.

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , , , , ,
29/03/2010 - 10:47

Um conselho, Bernie

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos

O GP da Austrália mostrou que na F1, pra ter emoção, o negócio é chover. A corrida teve gente errando, ultrapassagens, indefinição até o fim e dois azarões no primeiro e no segundo lugares — e quem diria que o Button fosse começar como underdog

Por isso, deixo aqui meu conselho sacana para Bernie Ecclestone: tio, compra a máquina do Boninho! É simples: sabe aquele sistema interativo que o BBB usa nas provas do líder? Então: quando a corrida tiver chata, o povo vota na internet: “Chuva!” “Calor!” “Neve!” Aí pronto: ninguém vai mais reclamar de falta de emoção…

Bahrein? Tempestade de areia. Turquia? Puro vento. Brasil? Chuva. Abu Dhabi? Hum… Aí não tem jeito, viu… Dá pra colocar tudo ao mesmo tempo?

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , , , , ,
23/11/2009 - 11:26

Ecclestone: "No momento, não há GP da Inglaterra"

Compartilhe: Twitter

Continuando a publicação de notícias por aqui… Tudo pela informação, haha

[Nota escrita por Felipe Paranhos]

Sempre perguntado pelo futuro do GP da Inglaterra, Bernie Ecclestone foi duro em relação a Silverstone. Segundo o presidente da FOM, se o calendário fosse confirmado hoje, não haveria prova inglesa em 2010.

“Eles tinham um contrato que poderiam assinar se quisessem, mas não assinaram. No momento, não há GP da Inglaterra. Acho que 9 de dezembro, que é quando a comissão da F1 vai se reunir, é o dia em que ele será retirado do calendário. Se não houve contrato, não haverá GP da Inglaterra”, declarou o britânico.

Ecclestone, porém, afirmou que há uma possibilidade de Donington voltar à disputa pelo GP “se alguém surgir com as ideias corretas e com os recursos”.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags: , , ,
Voltar ao topo