Publicidade

Publicidade

15/05/2011 - 17:56

Flecha de bronze

Compartilhe: Twitter

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Buenos Aires

Homenagem nunca é demais. Ainda mais quando se trata de alguém como o pentacampeão Juan Manuel Fangio. Em 2005, a Mercedes, junto com a YPF Repsol, reverenciou o piloto nascido em Balcarce através de uma escultura de 3,5 toneladas de bronze em tamanho real, tanto dele, quanto do W196, o modelo de 1954 e 1955 da Mercedes, carro dos primeiros títulos da equipe na F1, conhecido como ‘Flecha de Prata’. A obra foi assinada pelo espanhol Joaquim Ros Sabaté, dez anos depois da morte de Fangio.


Na noite da última sexta-feira (13), durante uma volta por Buenos Aires, dei uma passada por Puerto Madero e tirei algumas fotos legais de lá. Vale muito a visita. Durante a noite, a praça em frente à Avenida Juana Manso fica ainda mais bonita e realça a escultura de Fangio, que se estivesse vivo, completaria um século de nascimento em junho deste ano. Justíssima homenagem ao primeiro supercampeão da história do automobilismo depois da criação da F1.

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , , , , ,
Voltar ao topo