iG

Publicidade

Publicidade

05/10/2011 - 14:49

O erro que se repete

Compartilhe: Twitter

FELIPE PARANHOS [@felipeparanhos]

Leia os mais diversos blogs de automobilismo hoje. Veja todos os elogios feitos a Jenson Button, que renovou contrato com a McLaren. Todos estão certos. Jenson Button mostrou nos últimos anos que é um piloto top, alguém em quem qualquer equipe pode confiar se precisar de um piloto que dispute o título da F1.

Mas volte um pouco no tempo e lembre qual era a avaliação feita sobre Button quando ele foi para a Benetton em 2001, com 20 anos. Quando completou seu terceiro ano na BAR, depois de ir bem em 2004, mas cair com a equipe em 2005. Quando fez 28 anos em 2008 e não conseguiu tirar a Honda da situação vexatória em que se encontrava.

Button chegou à Williams em 2000 cercado de expectativa, depois foi tachado de playboy deslumbrado, reergueu-se em 2004, mas voltou a dar motivo para o “eu disse” dos sabichões no ano seguinte e enquanto esteve na Honda. Quando conquistou o título de 2009 com o impressionante carro da Brawn, eu lembro — e vocês hão de lembrar também — que havia muita gente a questionar se estávamos diante do pior campeão da F1 em todos os tempos.

Tudo o que enumerei foi somente para reiterar algo que vez por outra falo aqui: o torcedor — e muitas vezes o jornalista — de automobilismo se apressa a esculhambar um piloto no início da carreira. Falo por experiência própria: passei a bater nesta tecla depois de, três anos atrás, criticar fortemente o Pastor Maldonado pelas cagadas que fazia na GP2. Bastou um ano e meio para que ele mostrasse que a maturidade havia chegado devagar e que era um piloto pronto para chegar à F1. E hoje lá está o venezuelano, dando muito mais trabalho a Barrichello do que em 2009 fez Nico Hülkenberg, muito incensado por aí, e muito talentoso também.

Se tivesse o sinal da RGT em sua casa, Vettel ouviria no ano passado que era rápido, mas não tinha maturidade para ser campeão da F1. E, antes que se iniciem as críticas ao Galvão, olhem pros comentários do BloGP sempre que se fala de algum piloto em específico. A quantidade de comentários definitivamente negativos sobre pilotos com 22, 24, 26 anos é incontável.

É por isso que às vezes a gente põe o pé no freio ao falar de um piloto que começa muito bem a carreira. Olha o Jules Bianchi aí na GP2 sem corresponder aos holofotes. Olha o Grosjean, que recebeu todos os golpes ao pegar o abacaxi que era aquela Renault de 2009 no lugar do Nelsinho Piquet, e agora ganhou a GP2 com um pé nas costas.

Paciência…

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , , , ,
13/09/2011 - 12:50

Button garante o título de galã da temporada 2011

Compartilhe: Twitter

JULIANA TESSER [@JulianaTesser]

Ele pode até não levar o bicampeonato da F1 em 2011, mas já garantiu o título de galã da temporada. Jenson Button derrotou adversários como David Beckham, meia do Los Angeles Galaxy, Príncipe Harry, Orlando Bloom, o Will Turner da série ‘Piratas do Caribe’, e o seu próprio companheiro de McLaren Lewis Hamilton, e foi eleito o ‘Britânico mais bonito’ pela marca de jeans ‘Wizard’.

Button fazia parte de uma lista de 30 nomes que foi submetida à votação do público. Mais de 1.500 mulheres votaram e escolheram sua ordem de preferência.

“Um perfil bonito é, sem dúvida, uma obra divina, mas uma boa aparência é responsabilidade do homem”, explicou Sally Allen, da ‘Wizard’. “Jenson Button tem um charme natural que o colocou na pole-position do GP da Beleza deste ano”, completou.

Ao lado de Button na primeira fila está o ator Richard Armitage. Colin Firth, que ganhou o Oscar por sua atuação em ‘O Discurso do Rei’, ficou em terceiro, seguido pelo ator Clive Owen e pelo jogador David Beckham. Jude Law é o sexto, seguido pelo 007 Daniel Craig. O músico e apresentador de TV Peter André ficou em oitavo, com o jogador de críquete Alastair Cook em nono. O Príncipe Harry encerra o rol dos dez primeiros do ‘grid’.

A 11ª posição da lista é ocupada pelo músico John Barrowman, com Henry Cavill, da série ‘The Tudors’ em 12º. O comediante Russel Brand aparece em 13º, à frente de Lewis Hamilton. Os atores Bradley Walsh e Gerard Butler aparecem na sequência, seguidos pelo jornalista Zac Goldsmith. O campeão olímpico James Cracknell ficou em 18º, seguido por Hugh Grant. Orlando Bloom ficou com a 20ª e última colocação.

A ‘Wizard também elaborou uma lista das mulheres mais bonitas do mundo. O ranking publicado em maio traz Nicole Scherzinger, cantora e namorada de Hamilton, na liderança, seguida pela atriz indiana Freida Pinto e por Penélope Cruz. Keira Knightley ficou com o quarto lugar, com Michelle Pfeifer em quinto e Angelina Jolie em sexto. Halle Berry foi a sétima, seguida pela modelo israelense Bar Rafaeli. A Duquesa Catherine de Cambrige ficou com a nona colocação, com Sophia Loren fechando o top-10 feminino.

Autor: - Categoria(s): F1, Sem categoria Tags: , ,
09/03/2011 - 09:11

Criiiiiise na McLaren

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos

Esta foto aí em cima criou uma pequena confusão na McLaren. Ou não. Explico mais abaixo.

A bela moça da imagem é Jessica Michibata. A modelo japonesa de pai argentino é o corpo que representa uma marca de lingerie e já fez participações em alguns comerciais de TV.

Ao mudar a foto de seu perfil no Twitter, nesta quarta-feira (9), Jessica recebeu um elogio de Gary Paffett, piloto de testes da McLaren, feito diretamente a ela: “Uau, Jessy está gostosa em sua nova foto do perfil”

O detalhe é que, como alguns já devem saber, Jessica é a namorada de Jenson Button — que, segundo Fernando Silva, é o piloto mais bonito da F1. Alguns minutos depois, o campeão de 2009 retrucou, falando a Gary: “Incrivelmente gostosa! Agora, volta para o simulador!”

Paffett, então, teve a tréplica. “Bom dia, companheiro. Bom ver você prestando atenção. Você obviamente concorda comigo”, falou, talvez meio envergonhado, antes de convidar Button para um chá e perguntar se o companheiro estava muito ocupado hoje.

Das duas uma: ou rolou uma chateação de leve entre os dois, ou é tudo uma grande gozação entre colegas. Mas que foi engraçado acompanhar, foi.

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , , , , ,
08/03/2011 - 15:35

Mais do mesmo

Compartilhe: Twitter

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]

SUMARÉ — Sem as presenças de Ferrari e Mercedes, as primeiras colocações do primeiro dia da quarta bateria de testes em Barcelona não foram nem um pouco surpreendentes. Mark Webber levou a Red Bull à ponta, como quase sempre, seguida pela McLaren de Jenson Button, que após se apresentar de maneira claudicante nas atividades de pista em fevereiro, deu ligeiras mostras de reação conduzindo o MP4-26 com um bizarro bico ‘bolha’.

A Lotus Renault de Vitaly Petrov e Nick Heidfeld — que doente, quase não treinou — fechou a sessão no top-3, a 0s393 de Webber, dando a entender que os bólidos preto e dourado podem lutar contra a Mercedes pela quarta colocação entre os construtores, no mínimo.

A Toro Rosso, que vinha andando bem nos últimos testes, decepcionou hoje na Catalunha. Sébastien Buemi enfrentou problemas no seu STR6 em Montmeló, causando uma bandeira vermelha no início do treino, e quando voltou, não conseguiu mais do que a oitava posição. Ainda é cedo para dizer que a escuderia de Faenza andou para trás. Resta esperar pelo desempenho da filial da Red Bull na quarta-feira.

No pelotão de trás, destaque para Davide Valsecchi. Considerado por Felipe Paranhos como um dos melhores pilotos de todos os tempos, o italiano não fez feio com a Lotus T128 e fechou a manhã em terceiro, de maneira surpreendente, após completar 50 voltas sem enfrentar qualquer problema grave. Luiz Razia fou o responsável por conduzir o carro malaio no período da tarde, foi 1s317 mais lento que o companheiro de equipe na Air Asia da GP2, mas ainda assim, foi mais rápido que Jérôme D’Ambrosio, que mesmo tendo completado 57 voltas, se arrastou na pista com o MVR-02 e ficou a 9s516 de Webber. Um verdadeiro abismo.

A volta da equipe de Maranello às pistas amanhã pode estabelecer o real parâmetro de superioridade da Red Bull perante as rivais. Ou pode ser que, com a presença da maior oponente em Barcelona, o time taurino novamente esconda o jogo. Além de Ferrari e Mercedes, a Williams também vai para a pista com o novo-velho visual da Rothmans. E a Hispania já anunciou que não treina amanhã. Nada de destaque, nada de novo nessa pré-temporada mais morna de todos os tempos da F1. Como diria Renato Russo, é tudo mais do mesmo.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags: , , , , , , , , , ,
07/11/2010 - 00:02

Velha história

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos

Diretor do Paddock Club é assaltado no centro de São Paulo

É, essa nota é do ano passado. Às vésperas do GP do Brasil.

E isso aqui?

“- Este Rolex é verdadeiro?
– Gostaria de uma oitava caipirinha?
– Devo parar no sinal vermelho?
– Você gostaria de conhecer uma garota muito bonita que eu conheço?
– Esta é realmente uma garota?
– Você gostaria de mais carne?
– Gostaria que eu estacionasse seu carro?
– Já considerou a possibilidade de viver com apenas um rim?
– Devo parar se um carro bater na minha traseira?
– Minha esposa vai acreditar que a calcinha sensual que eu trago na minha mala é um presente para ela?”

Isso aqui é uma brincadeira da Red Bull com o Brasil, lançada ano passado. Às vésperas do GP do Brasil.

Button sofre tentativa de assalto na saída do autódromo de Interlagos

Essa é de deste sábado. Véspera do GP do Brasil.

E ano que vem?

E em 2014, ano de Copa?

E em 2016?

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , ,
14/12/2009 - 10:38

Lembram…

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos

daquele prêmio da BBC para os melhores esportistas britânicos em 2009?

Deu Ryan Giggs, jogador do Manchester United. Jenson Button foi o segundo.

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , , ,
01/12/2009 - 12:13

Duas questões

Compartilhe: Twitter

58677580

Felipe Paranhos

Andrew Strauss | Jogador de Cricket
Andy Murray | Tenista, número 4 do mundo
Beth Tweddle | Campeã do mundo na ginástica de solo
David Haye | Novo campeão dos pesos pesados de boxe pela WBA
Jessica Ennis | Atual campeã do mundo no heptatlo
Jenson Button | Campeão da temporada 2009 da F1
Marc Cavendish | Ciclista, venceu a Milano–Sanremo deste ano
Philips Idowu | Venceu o Salto Triplo no Mundial de Berlim
Ryan Giggs | 11 vezes campeão inglês pelo Manchester United

Estes são os candidatos a melhor esportista britânico pela BBC. Dizem que o Button é favorito. Eu não daria o título a ele. Até porque o Hamilton foi campeão no ano anterior. Pra mim, o Haye fez mais história ao derrotar Nikolai Valuev no início do mês e pegar o título da Associação Mundial de Boxe. Além disso, acho que Giggs merece algum troféu por ser um dos maiores jogadores da história do Reino Unido. Mas algo pelo “conjunto da obra”, claro.

A outra questão é: fácil, fácil, faz-se uma lista de britânicos campeões ou entre os melhores de suas modalidades. Será que daria pra fazer algo assim no Brasil em 2009? Acho que não, hein?

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , ,
Voltar ao topo