Publicidade

Publicidade

15/05/2011 - 17:56

Flecha de bronze

Compartilhe: Twitter

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Buenos Aires

Homenagem nunca é demais. Ainda mais quando se trata de alguém como o pentacampeão Juan Manuel Fangio. Em 2005, a Mercedes, junto com a YPF Repsol, reverenciou o piloto nascido em Balcarce através de uma escultura de 3,5 toneladas de bronze em tamanho real, tanto dele, quanto do W196, o modelo de 1954 e 1955 da Mercedes, carro dos primeiros títulos da equipe na F1, conhecido como ‘Flecha de Prata’. A obra foi assinada pelo espanhol Joaquim Ros Sabaté, dez anos depois da morte de Fangio.


Na noite da última sexta-feira (13), durante uma volta por Buenos Aires, dei uma passada por Puerto Madero e tirei algumas fotos legais de lá. Vale muito a visita. Durante a noite, a praça em frente à Avenida Juana Manso fica ainda mais bonita e realça a escultura de Fangio, que se estivesse vivo, completaria um século de nascimento em junho deste ano. Justíssima homenagem ao primeiro supercampeão da história do automobilismo depois da criação da F1.

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , , , , ,
08/03/2011 - 15:35

Mais do mesmo

Compartilhe: Twitter

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]

SUMARÉ — Sem as presenças de Ferrari e Mercedes, as primeiras colocações do primeiro dia da quarta bateria de testes em Barcelona não foram nem um pouco surpreendentes. Mark Webber levou a Red Bull à ponta, como quase sempre, seguida pela McLaren de Jenson Button, que após se apresentar de maneira claudicante nas atividades de pista em fevereiro, deu ligeiras mostras de reação conduzindo o MP4-26 com um bizarro bico ‘bolha’.

A Lotus Renault de Vitaly Petrov e Nick Heidfeld — que doente, quase não treinou — fechou a sessão no top-3, a 0s393 de Webber, dando a entender que os bólidos preto e dourado podem lutar contra a Mercedes pela quarta colocação entre os construtores, no mínimo.

A Toro Rosso, que vinha andando bem nos últimos testes, decepcionou hoje na Catalunha. Sébastien Buemi enfrentou problemas no seu STR6 em Montmeló, causando uma bandeira vermelha no início do treino, e quando voltou, não conseguiu mais do que a oitava posição. Ainda é cedo para dizer que a escuderia de Faenza andou para trás. Resta esperar pelo desempenho da filial da Red Bull na quarta-feira.

No pelotão de trás, destaque para Davide Valsecchi. Considerado por Felipe Paranhos como um dos melhores pilotos de todos os tempos, o italiano não fez feio com a Lotus T128 e fechou a manhã em terceiro, de maneira surpreendente, após completar 50 voltas sem enfrentar qualquer problema grave. Luiz Razia fou o responsável por conduzir o carro malaio no período da tarde, foi 1s317 mais lento que o companheiro de equipe na Air Asia da GP2, mas ainda assim, foi mais rápido que Jérôme D’Ambrosio, que mesmo tendo completado 57 voltas, se arrastou na pista com o MVR-02 e ficou a 9s516 de Webber. Um verdadeiro abismo.

A volta da equipe de Maranello às pistas amanhã pode estabelecer o real parâmetro de superioridade da Red Bull perante as rivais. Ou pode ser que, com a presença da maior oponente em Barcelona, o time taurino novamente esconda o jogo. Além de Ferrari e Mercedes, a Williams também vai para a pista com o novo-velho visual da Rothmans. E a Hispania já anunciou que não treina amanhã. Nada de destaque, nada de novo nessa pré-temporada mais morna de todos os tempos da F1. Como diria Renato Russo, é tudo mais do mesmo.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags: , , , , , , , , , ,
25/01/2010 - 21:40

Tudo igual

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos

A pedidos, o capacete do Nico, que não mudou nada, só patrocinadores.

CapaceteNico

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , ,
25/01/2010 - 14:36

Mantido

Compartilhe: Twitter

Felipe Paranhos [de volta das férias]

Junto com as cores do novo carro da Mercedes — ainda no BGP 001 —, foi revelado também o capacete de Michael Schumacher para 2010. E foi mantido o tom de vermelho. Ainda bem. Vai ficar ótimo no contraste com o carro prateado. Parece menos vermelho-Ferrari, dá a impressão de estar mais alaranjado. Mas pode ser a luz. Veremos.

CapaceteSchumacher

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , , ,
25/01/2010 - 11:24

Shades of grey

Compartilhe: Twitter


E um pouquinho de verde, também

Aí está o novo desenho da Mercedes, ainda em cima do BGP 001 do ano passado – não se esqueçam, o carro de 2010 só vai ser mostrado em Valência e deve ter tanques de combustível maiores.

Gostei bastante das cores. O prateado ficou muito bonito, os detalhes pretos da Mercedes também se destacaram e as linhas verdes da Petronas não “pesaram” no layout.

Mas, para mim, os grandes destaques foram mesmo as referências ao passado. O número vermelho dentro de um círculo branco e o xadrez no cockpit remetem às flechas de prata de 1954 e 55. Confiram comigo no replay:

E aí, o que acharam?

Abraços,
Francisco Luz

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , ,
24/11/2009 - 11:53

Kimi mais perto do Mundial de Rali?

Compartilhe: Twitter

Sem lugar na F1, o destino de Kimi Raikkonen em 2010 parece cada vez mais próximo do rali. De acordo com o site “Automoto365”, o finlandês assinou um pré-contrato com a Citroën para a próxima temporada.

Raikkonen inicialmente era cotado para a vaga de Heikki Kovalainen na McLaren. O cockpit inglês, na verdade, era a única alternativa, segundo o próprio piloto, para permanecer no Mundial no próximo ano. Mas como se sabe as negociações fracassaram. Entende-se que alguns aspectos financeiros e compromissos com patrocinadores tenham minado o acordo. O time britânico, então, optou por Jenson Button.

Após o anúncio da compra da Brawn pela Mercedes e da transferência de Button para a escuderia de Woking, o nome de Kimi surgiu com força para ocupar um dos carros prateados. No entanto, os rumores de que teria fechado com alemães foi desmentido por Kimi que, mais uma vez, insistiu em um ano sabático na F1.

Mas ida de Raikkonen para o Mundial de Rali é vista com bons olhos. Será a primeira vez que a categoria terá um campeão mundial de F1 disputando a temporada toda. Além disso, é uma forma de reforçar o campeonato, que nos últimos meses perdeu fabricantes importantes como a Subaru. Seria um grande empurrão.

No momento, não se sabe a natureza do contrato de Kimi com a Citroën. Mas acredita-se que o piloto tenha duas possibilidades: a de defender a equipe júnior da fábrica gaulesa ou correr junto com Petter Solberg.

Autor: - Categoria(s): F1, Geral Tags: , , , , ,
23/11/2009 - 12:57

Nico: meta é ser líder na Mercedes em 2010

Compartilhe: Twitter

Continuando com a saga das notícias publicadas no blog…

Confirmado como piloto da Mercedes em 2010, Nico Rosberg está ambicioso. Em entrevista à revista “Autosport” após o anúncio de sua contratação, o alemão afirmou estar confiante no carro da equipe para a próxima temporada e disse que não se preocupa com quem será seu companheiro, apesar dos rumores envolvendo o nome de Michael Schumacher.

“Minha meta é muito alta. Quero vencer corridas pelo menos. Depois, vamos ver. Precisamos esperar alguns meses para ver como o carro estará, mas estou confiante de que teremos um pacote forte”, declarou. Nesta temporada, Nico terminou o Mundial de Pilotos em sétimo, com 34,5 pontos. Seu companheiro, Kazuki Nakajima, acabou o ano zerado.

O alemão se mostrou muito feliz em fazer história na Mercedes. “É incrível. É, definitivamente, uma coisa muito especial. A última vez que um alemão pilotou uma Flecha de Prata foi em 1955, muito tempo atrás. Já estava na hora de um alemão estar na Flecha de Prata novamente.”

“Ser líder de uma equipe é algo que eu realmente gostaria de me transformar. Vou lutar para atingir este status, trabalhando com a equipe, ganhando o respeito dela. Quero me tornar um líder tomando o rumo técnico e com resultados na pista”, continuou.

Provável rival de Lewis Hamilton e Jenson Button na luta pelo título de 2010, Nico não quis dizer quem será melhor na McLaren. “É difícil dizer. Vamos ver no ano que vem, quando estarão um contra o outro. Não tenho certeza. Já corri contra Lewis e posso dizer que é um grande piloto. Jenson é mais difícil de julgar, mas, certamente, é um piloto fantástico”, disse.

Rosberg afirmou que o fato de a Brawn ter se tornado uma equipe de montadora foi “um fator importante” em sua decisão. A possibilidade de competir ao lado de Schumacher, entretanto, não foi comentada. “Não gostaria de falar sobre isso, me desculpe. Não me preocupo com quem será meu parceiro na equipe. O importante é que ele se encaixe bem no grupo para que possamos nos dedicar à Mercedes.”

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , ,
23/11/2009 - 11:44

Jordan: Schumacher volta à F1 pela Mercedes

Compartilhe: Twitter

Eddie Jordan, primeiro a cravar as negociações de Schumacher com a Mercedes, voltou a falar do assunto.

[Nota escrita por Luana Marino]

Por mais que a Mercedes negue qualquer tipo de contato e Ross Brawn diga que ter Michael Schumacher no time é um “sonho da imprensa”, os rumores sobre a volta do alemão à F1 não param. Agora, foi a vez de Eddie Jordan manifestar sua opinião, afirmando que acredita na possível volta do heptacampeão à categoria.

“Eu acredito que vai acontecer”, disse Jordan ao “The Sun”. “Tudo começou com uma reunião entre Michael, Ross Brawn e o diretor-executivo da Daimler, Dieter Zetsche, no GP de Abu Dhabi”, lembrou o ex-dirigente, hoje comentarista.

Jordan ressaltou ainda que Schumacher pode pedir uma liberação a Luca di Montezemolo para correr na Mercedes, já que tem contrato com a Ferrari. “Michael gosta da ideia de dirigir um Mercedes preparado por Ross. É uma ideia de dar água na boca”, concluiu.

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , ,
23/11/2009 - 11:20

Mercedes contrata Rosberg para temporada 2010

Compartilhe: Twitter

Pessoal, estamos com problemas técnicos no site. Enquanto isso, vamos publicando as notícias aqui. Vocês não ligam, né? =) – Felipe Paranhos

[Nota escrita por Francisco Luz]

A surpresa que a Mercedes prometeu para 2010 ainda não veio. Afinal, o anúncio de Nico Rosberg como primeiro nome confirmado do time alemão, feito nesta segunda-feira (23), era mais do que esperado: o piloto vinha sendo cogitado antes mesmo que a montadora assumisse o controle da Brawn. Nico foi anunciado em uma entrevista coletiva que contou com as presenças de Norbert Haug e Nick Fry e se disse “muito feliz” com a mudança, após quatro anos de Williams.

“Estou realmente muito feliz de fazer parte do relançamento das Flechas Prateadas em 2010 como piloto da Mercedes. Nenhuma outra marca na F1 pode olhar para um passado tão grande e bem-sucedido como eles. Por isso, estou muito orgulhoso por poder pilotar para a Mercedes e trabalhar com Ross Brawn, e mal posso esperar para começar a testar o novo carro e participar da primeira corrida da próxima temporada”, declarou Rosberg.

Brawn, por sua vez, lembrou do período em que trabalhou com Keke Rosberg, pai de Nico, para elogiar o alemão na sua chegada. “Estamos muito satisfeitos de poder contar com Nico na Mercedes, e ansiosos por começar a trabalhar com ele. Nico é muito talentoso e, com quatro anos de experiência na F1, vai poder contribuir de maneira valiosa com o time. Tive o prazer de trabalhar com seu pai Keke e é ótimo vê-lo seguindo seus passos, e esperamos ver o desenvolvimento dele como piloto após ter tido sua melhor temporada da carreira em 2009.”

Já Haug disse que era “óbvio desde sempre” que Rosberg era um piloto talentoso. “Eu o vi pilotando karts junto com Lewis Hamilton e, depois, nas categorias que correm junto com o DTM. Conheço-o desde pequeno e, logo de cara, dava para perceber que era óbvio que ele seria um piloto. Por isso, estamos muito felizes de recebê-lo na Mercedes. Nico é um piloto ambicioso, assim como nós, e juntos queremos e vamos conseguir algo grande”, disse o dirigente.

A escuderia não anunciou quem será seu companheiro de time. Nick Heidfeld aparece como um nome forte, mas a surpresa prometida por Haug pode ser até mesmo Michael Schumacher, que se reuniu com a direção alemã durante o GP de Abu Dhabi, última prova de 2009.

Autor: - Categoria(s): F1 Tags: , ,
Voltar ao topo